Blogonet » Blogs » Nothingandall

RSS Nothingandall - Fiche du blog

Signaler


Derniers articles publiés sur le blog

Tatuagem - Ruy Guerra (na voz de Elis Regina)

Ajouté il y a 2 jours, via Nothingandall, dans Culture

Quero ficar no teu corpo feito tatuagem Que é pra te dar coragem pra seguir viagem Quando a noite vem E também pra me perpetuar em tua escrava Que você pega, esfrega, nega Mas não lava Eu quero brincar no teu corpo feito bailarina Que logo se alucina Salta e te ilumina Quando a noite vem E nos...

Ajouter un commentaire | Lier avec un autre article | Fiche de l'article

Esperança - Fernando Semana

Ajouté il y a 2 jours, via Nothingandall, dans Culture

Espero Desespero Por uma notícia boa - «joaninha voa, voa que o teu pai está em Lisboa» - Que sem saber ler nem escrever Dê sentido ao viver. - Tô! - Já és bis-avô, Teus netos sairam do favo ao fim do mês oitavo. Estão bem. Também a mãe!... Fernando Semana

Ajouter un commentaire | Lier avec un autre article | Fiche de l'article

A meu favor - Alexandre O'Neill

Ajouté le 21-08-2014, via Nothingandall, dans Culture

A meu favor Tenho o verde secreto dos teus olhos Algumas palavras de ódio algumas palavras de amor O tapete que vai partir para o infinito Esta noite ou uma noite qualquer A meu favor As paredes que insultam devagar Certo refúgio acima do murmúrio Que da vida corrente teime em vir O barco...

Ajouter un commentaire | Lier avec un autre article | Fiche de l'article

Tarde de Agosto - Matias de Lima

Ajouté le 20-08-2014, via Nothingandall, dans Culture

Domingo. O sol molesta, Incendeia o horizonte. Tocam sinos à festa Em S. Pedro do Monte. Num ramo de giesta Canta um melro defronte. É poeta: manifesta O estro de Anacreonte. Nos fios telefónicos Andorinhas baloiçam... Outras cruzam pelo ar. E risonhos, harmónicos, Os sinos de há pouco –...

Ajouter un commentaire | Lier avec un autre article | Fiche de l'article

Musical Suggestion of the Day: Destino Marcado (fado menor) - Ricardo Ribeiro

Ajouté le 19-08-2014, via Nothingandall, dans Culture

Ricardo Alexandre Paulo Ribeiro, conhecido como Ricardo Ribeiro, nasceu em Lisboa a 19 de agosto de 1981

Ajouter un commentaire | Lier avec un autre article | Fiche de l'article

Fantasias - hélio ricciardi

Ajouté le 18-08-2014, via Nothingandall, dans Culture

imagem daqui Hoje senti falta das minhas fantasias. Sentei-me na minha cadeira de balanço, como sempre, para viajar. Ainda, da minha cadeira de balanço, sou tudo o que desejo ser: rei, piloto de avião, marinheiro... Ou aquele operário que volta do trabalho e pára no portão de um casebre para...

Ajouter un commentaire | Lier avec un autre article | Fiche de l'article

Poema XVI de Canções: Eu ontem passei o dia - António Botto

Ajouté le 17-08-2014, via Nothingandall, dans Culture

Eu ontem passei o dia Ouvindo o que o mar dizia. Chorámos, rimos, cantámos. Falou-me do seu destino, Do seu fado... Depois, para se alegrar, Ergueu-se, e bailando, e rindo, Poz-se a cantar Um canto molhado e lindo. O seu hálito perfuma, E o seu perfume faz mal! Deserto de águas sem fim. Ó...

Ajouter un commentaire | Lier avec un autre article | Fiche de l'article

Nessa parede verde da hera - Fiama Hasse Pais Brandão

Ajouté le 15-08-2014, via Nothingandall, dans Culture

Nessa parede verde da hera o teu rosto cada vez ganha mais forma, entre as mãos de verdura estendidas aos ventos que as dobram e movem. Quando te vejo na luz ou nessa sombra estar vago e ser tão próximo, só tu sendo não sabes onde te vejo, só eu muda não digo onde te guardo. in Cenas Vivas,...

Ajouter un commentaire | Lier avec un autre article | Fiche de l'article

Introdução + Paz! - António Nobre

Ajouté le 15-08-2014, via Nothingandall, dans Culture

MEMORIA À MINHA MAE AO MEU PAI Aquele que partiu no brigue Boa Nova E na barca Oliveira , anos depois, voltou; Aquele santo (que ê velhinho e já corcova) Uma vez, uma vez, linda menina amou: Tempos depois, por uma certa lua-nova, Nasci eu... O velhinho ainda cá ficou, Mas ela disse: — «Vou,...

Ajouter un commentaire | Lier avec un autre article | Fiche de l'article

Meditação sobre o desperdício

Ajouté le 14-08-2014, via Nothingandall, dans Culture

A morte de alguém conhecido traz-nos, por momentos, à realidade etérea da vida e mostra-nos quão vã e futilmente, em grande parte, a desperdiçamos. Um pouco mais tarde voltamos à hipnose em que, acordados, vivemos sonambulamente (continuando a desperdiçá-la)...

Ajouter un commentaire | Lier avec un autre article | Fiche de l'article

Commentaires

Ils aiment ce blog