Blogonet » Blogs » Nothingandall

RSS Nothingandall - Fiche du blog

Signaler


Derniers articles publiés sur le blog

A Velocidade da Luz - Manuel Gusmão

Ajouté il y a 11 heures, via Nothingandall, dans Culture

Há uma rotação do teu corpo ou de uma parte dele que está pelo todo e fora dos eixos do mundo. Rodas a partir da cintura, estendes um braço, há um músculo que se ilumina, uma onda vertical em que tu própria te subisses; então uma perna flecte-se, e o outro pé fica em ponta oblíquo sobre...

Ajouter un commentaire | Lier avec un autre article | Fiche de l'article

Liberdade - Carlos Marighella

Ajouté le 06-12-2017, via Nothingandall, dans Culture

Não ficarei tão só no campo da arte, e, ânimo firme, sobranceiro e forte, tudo farei por ti para exaltar-te, serenamente, alheio à própria sorte. Para que eu possa um dia contemplar-te dominadora, em férvido transporte, direi que és bela e pura em toda parte, por maior risco em que essa...

Ajouter un commentaire | Lier avec un autre article | Fiche de l'article

Outono - Félix Pacheco

Ajouté le 06-12-2017, via Nothingandall, dans Culture

Amo, sim, e amarei! Mas não quisera Manter este verão que é quase extinto. Tudo que agora nos meus quadros pinto Traz outra cor mais grave e mais austera. Nunca maldisse o estio e a primavera, Mas abençôo o tempo que hoje sinto, Esta quietude sã, na qual não minto, Outra ilusão mais justa e...

Ajouter un commentaire | Lier avec un autre article | Fiche de l'article

Antes de partir - José Carlos Schwartz

Ajouté le 06-12-2017, via Nothingandall, dans Culture

Antes de partir Encherei os meus olhos, a minha memória Do verde (verde, verde!) do meu País Para que quando tomado pela saudade Verde seja a esperança Do regresso breve Antes de partir Encherei os meus ouvidos, a minha memória Do palpitar que esmorece, enquanto a noite Cresce sobre a cidade e...

Ajouter un commentaire | Lier avec un autre article | Fiche de l'article

Chama da Vida - Filinto de Almeida

Ajouté le 04-12-2017, via Nothingandall, dans Culture

Dá-me a tua mão, Amiga, e vamos indo alegremente pela estrada fora. É já tarde, e o crepúsculo é tão lindo como foi o dilúculo da aurora. Vamos subindo devagar, agora; dá-me o teu braço, assim, vamos subindo... Repara: é o mesmo Sol de amor de outrora que ainda no poente ao longe está...

Ajouter un commentaire | Lier avec un autre article | Fiche de l'article

For Jessica, My Daughter - Mark Strand

Ajouté le 29-11-2017, via Nothingandall, dans Culture

Tonight I walked, lost in my own meditation, and was afraid, not of the labyrinth that I have made of love and self but of the dark and faraway. I walked, hearing the wind in the trees, feeling the cold against my skin, but what I dwelled on were the stars blazing in the immense arc of sky....

Ajouter un commentaire | Lier avec un autre article | Fiche de l'article

Momento Lírico - Campos de Figueiredo

Ajouté le 28-11-2017, via Nothingandall, dans Culture

Dá-me as tuas mãos, e vamos Calados pela estrada Sob a benção dos ramos E as flores da madrugada. Onde houver uma fonte, Paremos a beber As águas de outra fonte Ainda por nascer. Onde houver um jardim, Entremos, de mãos juntas, Mas às rosas e aos lírios, Não façamos perguntas. Ouçamos os...

Ajouter un commentaire | Lier avec un autre article | Fiche de l'article

O Noivado do Sepulcro - Soares de Passos

Ajouté le 28-11-2017, via Nothingandall, dans Culture

Vai alta a lua! na mansão da morte Já meia-noite com vagar soou; Que paz tranquila; dos vaivéns da sorte Só tem descanso quem ali baixou. Que paz tranquila!... mas eis longe, ao longe Funérea campa com fragor rangeu; Branco fantasma semelhante a um monge, D'entre os sepulcros a cabeça ergueu....

Ajouter un commentaire | Lier avec un autre article | Fiche de l'article

Saudades - Francisco Manuel de Melo

Ajouté le 23-11-2017, via Nothingandall, dans Culture

Serei eu alguma hora tão ditoso, Que os cabelos, que amor laços fazia, Por prémio de o esperar, veja algum dia Soltos ao brando vento buliçoso? Verei os olhos, donde o sol formoso As portas da manhã mais cedo abria, Mas, em chegando a vê-los, se partia Ou cego, ou lisonjeiro, ou temeroso?...

Ajouter un commentaire | Lier avec un autre article | Fiche de l'article

Happy Birthday Sierra Skye

Ajouté le 23-11-2017, via Nothingandall, dans Culture

Cet article est entièrement visuel (image, vidéo...). Voir l'article sur le blog original →

Ajouter un commentaire | Lier avec un autre article | Fiche de l'article

Commentaires

Ils aiment ce blog